Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \20\UTC 2009

Pois bem, voltando a falar de política, venho por meio deste post dar uma boa notícia dessa vez (assim espero).
Depois de todas aquelas pedras que eu joguei nos nossos parlamentares, desta vez a Câmara decidiu suspender obras e contratações, anunciando assim uma possível economia de (pasmem – de novo – afinal quando a gente não pasma lendo esses números?) R$ 291 milhões.

Bom, a economia será produto – resumidamente – da suspensão de contratações de funcionários terceirizados e comissionados, das obras do novo Anexo (¬¬) e a reforma de outro. Além daqueles gastos absurdos que eles faziam com passagens aéreas e aquelas outras coisas sem nexo.

De acordo com o Secretário Rafael Guerra (PSDB-MG), os cortes irão atingir os investimentos, as despesas correntes e pessoal. Quanto ao investimento é uma boa economia, porque só aí vão ser R$ 200 milhões (porra, só eu me assusto com esses números?) com a suspensão das obras do Anexo IV e a construção de outro.

Na área de despesas correntes, os cortes serão de aproximadamente R$ 61,5 milhões. Bah, sério. Eu me assusto. Podiam me dar 1 milhãozinho e eu ficava tri feliz. ;~
Continuando, quanto às passagens e aqueles gastos imbecis, a média de economia é de R$ 18 milhões.

Agora, vou te contar, viu. Só na Câmara mesmo pro cara ter o melhor emprego do mundo. O Salário do parlamentar já é R$ 16 mil pra não fazer nada. Como se não bastasse, agora a Mesa Diretora também aprovou a unificação das cotas de benefícios dos parlamentares. Com isso, os deputados terão de R$ 23 mil a R$ 34,2 mil pra gastar com despesas “relativas ao mandato”.
Quem tem um emprego desses que dá, além do salário, um crédito extra pra gastar em PASSAGENS AÉREAS e outras besteiras? Sim, porque RELATIVAS AO MANDATO, as despesas deles nunca são. Pensando seriamente em virar Deputada Federal (-n-n-n-n).

E só mais uma coisinha pros nossos parlamentares fazerem escândalo: dessa vez o diretor-geral da Câmara, Sérgio Sampaio, teve a BRILHANTE IDEIA de colocar um ponto eletrônico pro controle de horário de trabalho dos funcionários. Rsssss…
E não, o pior de tudo é que nem foi ideia do diretor-geral. Ele vai implantar o sistema porque fizeram denúncias de funcionários fantasmas na Casa. Legal, né. Rs. Vai ver o diretor-geral era um deles. Rssssssssss…

Me despeço aqui com essa “boa notícia” e com uma frase popular:

“Eu sou Brasileiro, e não desisto nunca.”

IHEAIUHIUAEHIUAEHIUEHEIUHEAIUHEAIUHEA

Read Full Post »

Não sei se vocês acompanham esse tipo de reportagem, mas a Câmara de Deputados resolveu reduzir a cota de passagens aéreas para os mesmos (só agora?).

O curioso é que alguns deles (a maioria, eu diria) estão inacreditávelmente revoltados. É até cômico ver eles falando sobre esse assunto como se fosse uma barbaridade. Reivindicando suas cotas porque PRECISAM que as filhinhas, mamães e o resto da família inteira viagem para o exterior e conhecer a Europa, Ásia, Oceania e blábláblá.

Continuando, a Mesa Diretora do Senado cortou parte da cota aérea com a expectativa de que os gastos caiam de 1,3 milhão para 975 mil reais MENSAIS.

Eu acho uma baita piada esse tipo de coisa, porque ao invés de estarem preocupados com saúde, educação, e coisas que tenham a ver para um melhor futuro do nosso país, estão perdendo tempo em cotas aéreas pra deputados? Ah, por favor. Não que isso não tenha nada a ver com o país e que não fará diferença alguma, mas não podemos excluir a possibilidade de que esse dinheiro “economizado” não vá parar no bolso deles em outros tipos de gastos. Aliás, não vamos só supor, porque isso já está praticamente acontecendo.

O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP) surgiu com a ideia de aumentar o salário dos parlamentares de 16,5 mil para 24,5 mil reais mensais, que é o salário do Supremo Tribunal Federal. Ou seja, como eu havia dito, sai de um bolso e vai parar no outro.

E sabe o que mais? O nosso (talvez – nada definido ainda) futuro candidato à presidência da República, Dep. Federal Ciro Gomes foi o que ficou mais indignado com essa história de reduzir as cotas aéreas e, por sua vez, agressivo diante à essa situação ridícula. Chamou os colegas (que apóiam a decisão – que por acaso um deles é o Michel Temer – há!) de “babacas” e falou vários palavrões enquanto conversava com os jornalistas.

E aí eu vos pergunto: É a cara do Brasil?
Prontamente, sem hesitar, respondo à minha pergunta para que vocês não precisem perder tempo:
É. É a cara do Brasil sim. Povo sem cultura que não lê, não se informa, acredita em tudo que a imprensa publica, não tá nem aí pros nossos governantes e vota simplesmente por ser um dever de cidadão não pode esperar nada mais que deputados desse naipe.

Encerro esse meu “post de estréia” deixando essa minha pergunta no ar pra que vocês pensem um pouquinho a respeito disso e, quem sabe, nas próximas eleições votem com consciência. Não pensem que eu estou pedindo isso ou aconselhando. O país clama por consciência, não eu.

Ciro Gomes insulta Ministério Público e deputados

Temer admite estudo para aumentar salário dos deputados

Read Full Post »